QUEM SOU EU ???

Minha foto
PROVADA COMO OURO NO FOGO PARA TIRAR AS IMPUREZAS,COM UMA HISTÓRIA DE VIDA MARCADA POR TANTAS DORES ESPIRITUAIS(ANGÚSTIA,MELANCOLIA,REVOLTA,DEPRESSÃO,CRISE EXISTENCIAL,TENTATIVA DE SUICÍDIO...).NÃO SEI SE ENCONTREI JESUS,SE ELE ME ENCONTROU OU SE NÓS NOS ENCONTRAMOS,SÓ SEI QUE FUI SEDUZIDA,CONTAGIADA,ATRAÍDA PELO SEU AMOR EXAGERADO,E ME APAIXONEI POR ELE.DESCOBRI QUE ELE ME SALVOU,LIBERTOU E CUROU.ME COMPROU A PREÇO DE SANGUE,ME DEVOLVEU A COMUNHÃO COM DEUS QUE ADÃO HAVIA PERDIDO,ME DEU PAZ,ALEGRIA, PLENITUDE,SERENIDADE,FELICIDADE...E FELIZ E ETERNAMENTE GRATA POR TANTO AMOR OUSO DECLARAR QUE SOU APAIXONADA POR JESUS. FRASES BÍBLICAS: "NÓS SOMOS LOUCOS POR AMOR DE CRISTO..."(I CORÍNTIOS 4,10). "...PORQUE ESTOU ENFÊRMA DE AMOR"(CÂNTICOS DOS CÂNTICOS 2,5). "QUANTA RAZÃO HÁ DE TE AMAR!"(CÂNTICOS DOS CÂNTICOS 1,4). "...O TEU NOME É COMO UM PERFUME DERRAMADO"(CÂNTICOS DOS CÂNTICOS 1,3). "COMO ÉS BELO, MEU AMOR! COMO ÉS ENCANTADOR!"(CÂNTICOS DOS CÂNTICOS 1,16). "PORQUE ONDE ESTIVER O VOSSO TESOURO,AI ESTARÁ TAMBÉM O VOSSO CORAÇÃO"(MATEUS 6,21 E LUCAS 12,34). "...AMAS-ME MAS DO QUE ESTES?...AMAS-ME?...AMAS-ME?..."(JOÃO 21,15-17).

OBRIGADA PELA VISITA !!!

contador de acesso

terça-feira, 15 de abril de 2014

"PONTOS DE ANCORAGEM DA CRUZ DE JESUS"


Obs: Imagem extraída do site:www.elodafe.com


"PONTOS DE ANCORAGEM DA CRUZ DE JESUS" 

"Jesus cancelou a escrita de dívida, que consistia em ordenanças, e que nos era contrária. Ele a removeu, pregando-a na cruz" (Colossenses 2,14).

As seis horas da crucificação de Jesus foram as mais críticas da história. Pois durante aquelas seis horas daquela sexta-feira, Deus colocou na terra três pontos de ancoragem.

Ponto de ancoragem número 1: MINHA VIDA NÃO FÚTIL. Essa rocha segura o barco do seu coração. É um aperto firme na convicção de que existe verdade. Alguém está no controle e você tem um propósito.

Ponto de ancoragem número 2: MEUS ERROS NÃO SÃO FATAIS. Não é que Ele ame o que você fez, mas Ele ama quem você é. Você é dele. Aquele que tem o direito de condená-lo proveu uma saída para absolvê-lo. Você comete erros. Deus não. E foi Ele quem criou você.

Ponto de ancoragem número 3: MINHA MORTE NÃO É DEFINITIVA. Existe uma outra pedra. A tumba que ela selou era tumba de um visitante. Ele só entrou lá para provar que poderia sair. E, na saída, Ele levou a pedra consigo e a transformou num ponto de ancoragem. Ele a jogou fundo nas águas desconhecidas da morte.

Aqui estão eles. Os três pontos de ancoragem da cruz.


Autor: Max Lucado


Obs: Reflexão extraída do livro: "Bom dia!: leituras com Max Lucado, traduzido por Emirson justino, São Paulo, SP, Editora: Mundo Cristão, ano 2013, reflexão do dia 25 de janeiro. Site da Editora: 
www.mundocristao.com.br

terça-feira, 18 de março de 2014

"JESUS:VITÓRIA DO AMOR"


Obs: Imagem extraída do site: scienceblogs.com.br


"JESUS: VITÓRIA DO AMOR"


Foi  na Cruz que surgiu a "Nova Criação", o decreto da Vitória do Amor sobre a morte e toda a maldade. O amor já não é somente um sentimento, uma palavrinha qualquer, o amor tomou uma forma, o amor tomou a forma humana, o amor não tomou a forma angélica, o amor assumiu a forma de Homem, e na face de Homem se revelou, mesmo com Sua divindade oculta na Cruz, todo o Seu esplendor.

O amor é uma Pessoa, a caridade se tornou uma Pessoa, a caridade se encarnou no seio de uma mulher simples, pobre e humilde. A caridade se permitiu se educar e se formar por essa mulher; a caridade escolheu um pai adotivo que desbravadamente o alentou em sua pobreza e deu o seu tudo para cuidar do amor, do Verbo Encarnado.

O amor cresceu em meio aos mais pobres para mostrar que a verdadeira riqueza está no Céu, naquilo que não vemos com nossos olhos humanos. O amor trouxe uma esperança certa; andou ao lado dos pecadores, dos esquecidos e marginalizados. O amor amou tanto que Seu olhar rompeu o pecado de Maria Madalena, a ansiedade de Pedro, o suborno da Mateus.

O amor amou as ovelhas feridas; o amor se fez fraco;o amor chorou quando Lázaro morreu; se fez pequeno e ao mesmo tempo grandioso, de Belém e Sua gruta até a grandiosa Jerusalém. Lavou com dignidade os pés dos Seus seguidores e ensinou que é preciso amar acima de qualquer coisa ou situação.

Esse mesmo amor transpirou Sangue e Suor no Monte das Oliveiras, foi traído por trinta moedas, foi julgado, ofendido, preso e açoitado como um animal sem dono, como um criminoso. Sua Carne foi rasgada sem piedade.

O amor abraçou o lenho da Cruz, o amor ou a caridade caiu, mas se levantou ultrajado como um ovelha levada ao matadouro. A caridade se deixou ser elevada ao lado de dois ladrões no ápice do Calvário. Aos pés do lenho beatíssimo da Cruz estavam Seu amigo, uma pecadora pública e Sua amada mãe.

O amor se deixou crucificar e ali arrebatou o coração do ladrão arrependido. O amor amou e perdoou a todos num sacrifício eterno de amor que só ama. O amor nos deu Sua maior riqueza: o Perdão. E como se bastasse, em Seu último suspiro "expirou" e nos deu a maior e efusão de amor; como não tinha mais o que dar, Ele gritou: "Pai, em Tuas mãos entrego o Meu Espírito". Ao dar Seu último suspiro e morrer no alto da Cruz, soprou o tesouro escondido no Céu, o Espírito Santo.

O amor, depois de sepultado, voltou dos mortos porque precisava descer ao inferno, para a mansão dos mortos e levar todos com Ele para o coração Eterno do Pai das Misericórdias. O amor deu autoridade de serviço aos Seus seguidores e se elevou. Ele nos confirmou Seu amor, provou em Pentecostes uma força incontrolável de poder e unção, nos enviando Aquele que procede do Seu Coração e do Coração do pai Eterno: O Espírito Santo.


Obs: Reflexão extraída do livro: "Efusão do Espírito Santo: Pentecostes vivido nos dias de hoje", autor: Sérgio Roberto Farias, Editora: Palavra & Prece, São Paulo, ano: 2013, páginas: 76, 77 e 78.

Site da Editora: www.palavraeprece.com.br

sexta-feira, 24 de janeiro de 2014

"JESUS VEIO PARA SERVIR"


Obs: Imagem extraída do facebook:
fb.com/juventudesustentavel.oficial 


"JESUS VEIO PARA SERVIR"


"Sejam completamente humildes e dóceis, e sejam pacientes, suportando uns aos outros com amor" (Efésios 4,2).

O mundo precisa de servos, pessoas como Jesus, "que não veio para ser servido, mas para servir" (Mateus 20,28). Ele escolheu a distante Nazaré em vez do palco central de Jerusalém, a carpintaria de seu pai José em vez de um palácio com colunas de mármore e três décadas de anonimato em vez de uma vida de popularidade.

Jesus veio para servir. Ele escolheu a oração em lugar do sono, o deserto em lugar do Jordão, apóstolos irascíveis em lugar de anjos obedientes. Eu teria ficado com os anjos. Se tivesse a oportunidade, teria montado minha equipe apostólica com querubins e serafins, ou Gabriel e Miguel, testemunhas oculares dos resgates do Mar Vermelho  e da queda de fogo do monte Carmelo. Eu teria escolhido os anjos.

Mas Jesus não. Ele escolheu as pessoas. Pedro, André, João e Mateus. Quando eles tiveram medo da tormenta, Ele a acalmou. Quando não tinham dinheiro para os impostos, ele os supriu. E  quando não havia vinho para a festa ou comida para a multidão, ele os criou.

Ele veio para servir.


Autor: Max Lucado

Obs: Reflexão extraída do livro: "Bom dia!: Leituras Diárias com Max Lucado", traduzido por Emirson Justino, São Paulo, Editora: Mundo Cristão, ano 2013, reflexão do dia 11 de janeiro.
Site da Editora: www.mundocristao.com.br

segunda-feira, 23 de dezembro de 2013

"A INVEJA"


Obs: Imagem extraída do site:
mtrgerandoiras.blogspot.com


"A INVEJA"

Um homem encontrou uma garrafa na qual vivia um gênio que tinha o poder de realizar todos os seus sonhos. Dito de outra forma, contarei sobre um homem que encontrou o céu - pois céu é justamente isto, o lugar onde os nossos sonhos são realizados.

O gênio saiu da garrafa onde  estivera adormecido e lhe disse: "Tenho o poder de transformar em realidade todos os seus sonhos, sem nenhum limite. É só você me contar o seu sonho, e ele acontecerá.

O homem começou então a pensar nas coisas maravilhosas que iria pedir: um corpo jovem, sem dores ou doenças, cheio de beleza, energia; casas nos lugares mais lindos das montanhas e das praias, com jardins maravilhosos; adegas onde se encontrariam os vinhos mais finos, cozinhas onde de fariam as mais deliciosas comidas; música, livros; amigos, amor...

Ah! ele era um homem sábio e refinado e sabia das coisas que fazem a felicidade do ser humano. E assim os seus olhos iam tranquilamente passeando pelos seus sonhos, imaginando a felicidade ilimitada que iria gozar em alguns momentos.

Foi quando o gênio lhe disse: "Há apenas um detalhe que esqueci de mencionar, porque acho que é irrelevante. Tudo o que você tiver, o seu pior inimigo vai ter em dobro..." Foi só o gênio falar e os olhos do homem mudaram: eles, que até então descansavam nas coisas que iriam fazê-lo feliz além de tudo o que imaginara, começaram o olhar para as coisas que seu inimigo iria ter.

E quando seus olhos voltaram para suas próprias coisas, aquelas mesmas que apenas um momento antes, o haviam feito o homem mais feliz do mundo, descobriu que todas elas, neste segundo em que seu olhar dançara, haviam apodrecido.

A comparação é um verme que faz apodrecer o fruto delicioso que estávamos prestes a comer. A inveja nos deixa de mãos vazias. É importante que se entenda isso para se compreender o fim da história.

"Já sei o que quero pedir", disse o homem ao gênio, depois de longa meditação. "Pois faça o seu pedido", disse o gênio. "Me fure um olho..." - ele respondeu.


Autor: Rubens Alves

Obs: Extraído do livro: "A inveja", São Paulo: Editora Paulus, Ano 2007. Site da Editora Paulus:
www.paulus.com.br


"COMENTÁRIO SOBRE ESTA ESTÓRIA"


Rubens Alves é um grande pensador e um dos grandes colaboradores da Educação no Brasil. Como professora de Filosofia sou admiradora de suas obras e sei o quanto elas são educativas. Comprei este livro que por sinal tem belas ilustrações e contei para os meus alunos esta estória e um silêncio na sala refletia a sede de conhecer.

Com esta estória queria falar da importância da autoestima, pois quem se ama de verdade sabe se valorizar e não tem necessidade de ter inveja de outra pessoa. Este sentimento da inveja é provocado quando você se compara com alguém e deseja seus bens ou então deseja que esta pessoa não possuam nada e se tiver chance até prejudica, como o personagem desta estória que pede para que fure um olho sabendo que seu pior inimigo teria os dois olhos furados.

A Bíblia está cheia de exemplos de pessoas invejosas, mas tem dois casos nos quais podemos ver o reflexo negativo desta inveja, um dos casos e Abel e Caim (Gênesis 4,1-16), Caim por inveja acaba matando seu irmão Abel. Outro caso e a História de José do Egito (Gênesis 37 até o 50) que narra uma das belas Histórias da Bíblia na qual relata que inveja dos irmãos de José fez com que eles maquinassem o mal contra José e o acabassem vendendo este como escravo. E o próprio Jesus sentiu na pele o poder deste sentimento (Mateus 27,18 e Marcos 15,10), pois foi por inveja de sua popularidade que os sacerdotes de sua época o sentenciaram a morte.


Portanto, podemos combater este sentimento da inveja com uma boa dose de autoestima... precisamos nos amar de verdade... fugir da comparação com os outros... somo seres únicos, inéditos e especiais... com uma missão particular nesta terra. É preciso se conhecer como já dizia Sócrates: "Conhece-te a ti mesmo" para podermos descobrir o potencial que existe em cada um de nós... precisamos nos conhecer para poder nos amar... e quem sabe fazer a bela experiência de se descobrir como uma "Obra de Arte" para poder também amar o artista, o autor desta Obra: Deus.

Comentário feito por:
Kátia Regina Corrêa Santos

segunda-feira, 11 de novembro de 2013

"BÍBLIA: A PALAVRA QUE PRODUZ VIDA"


Obs: Imagens extraída do site:
portaldossegredos.blogspot.com


"BÍBLIA: A PALAVRA QUE PRODUZ VIDA"


"BÍBLIA"


"Dá-me entendimento, para que eu guarde a Tua Lei e Ela obedeça de todo coração" (Salmo 119,34).


No segundo domingo de dezembro os evangélicos comemoram o Dia da Bíblia e os católicos no dia 30 de setembro. É interessante que a maioria das pessoas têm uma Bíblia em sua casa, mas provavelmente a minoria sabe realmente o que ela é. Quantas procuram tirar um tempinho em seu dia a dia para ler e meditar naquilo que a Bíblia diz ? E você, tem lido a Bíblia ? Conhece sua importância ? Se você a lê, tem praticado o que ela diz ?


A Bíblia não é um utensílio de decoração da casa, um talismã ou um objeto para trazer bons fluídos para o ambiente em que ela está, tampouco um horóscopo disfarçado (abrir a Bíblia aleatoriamente para ver o que Deus tem para mim naquele dia). A BÍBLIA É A PALAVRA INSPIRADA DE DEUS, O MANUAL DE VIDA DEIXADO PELO SENHOR PARA O SER HUMANO SAIBA COMO VIVER MELHOR SOB A ORIENTAÇÃO E O CUIDADO DIVINOS. POR ISSO DEVE SER LIDA E PRATICADA CONSTANTEMENTE.


O Salmo 119, é um texto interessante e importante, pois refere-se à própria Palavra de Deus e tem muito a dizer sobre ela. Já no início do Salmo 119,1-3 lemos que é feliz a pessoa irrepreensível que anda nos caminhos do Senhor, seguindo a Palavra de de Deus, obedecendo aos mandamentos divinos, buscando ao Senhor de todo coração e não praticando o mal. Quem vive desse modo, ou seja, de acordo com o que está escrito na Bíblia, será feliz. Que contraste com o mundo corrupto em que vivemos! 


Ainda no Salmo 119,9 há uma pergunta dirigida aos jovens, mas que serve para todos nós: "Como pode o jovem manter pura a sua conduta?. A resposta é: "Vivendo de acordo com a Palavra do Senhor", ou seja, a Bíblia. Esta é a única forma de não nos corrompermos também e agradarmos a Deus com nossas vidas. Então, peça ao Senhor o entendimento necessário para reter sua Palavra na mente e colocá-la em prática, desviando seus olhos das coisas inúteis e vivendo no caminho de Deus.


Autor: Hans Joachim Wolfgang Kellert


Obs: Esta reflexão foi extraída do livro: "Presente Diário: O livro de leituras devocionais diárias", Nº 16, uma publicação da Rádio Trans Mundial, com organizadores: Roland Körber e Doris Körber, São Paulo, SP, 2013, 1ª Edição, uma reflexão do dia 06 de janeiro. Site: www.transmundial.com.br e para solicitar este livro: loja@transmundial.com.br

segunda-feira, 7 de outubro de 2013

"POR QUE DEVEMOS LER A BÍBLIA ?"


Obs: Imagem extraída do site: www.amormariano.com.br


"POR QUE DEVEMOS LER A BÍBLIA ?"


Quero começar esta reflexão com a citação dos seguintes textos: "Passará o céu e a terra, mas as minhas palavras jamais passarão" (Mateus 24,35) e "Eu testifico a todo aquele que ouvir as palavras da profecia deste livro: se alguém lhes acrescentar alguma coisa, Deus lhes acrescentará as pragas que estão escritas neste livro; e se alguém tirar qualquer coisas das palavras do livro desta profecia, Deus lhe tirará a sua parte da árvore da vida e da cidade santa, que estão escritas neste livro" (Apocalipse 22,18). 

Poderia citar vários outros textos, sem esquecer o Salmo 119 que em sua totalidade fala das Escrituras Sagradas, mas considerei estes muito fortes e adequados para nos despertar ainda à leitura da palavra de Deus. 

Mesmo havendo hoje grandes autores, tratando de temas relevantes, abordando assuntos relacionados ao indivíduo, é surpreendente que a Bíblia continue batendo todos os recordes de venda. Um tempo atrás li a seguinte afirmação: "Depois da Bíblia, o Guinness Book é o livro mais vendido do mundo". 

Temos acesso a Bíblia nas mais diversas  versões e formatos. Foi escrita por cerca de 40 escritores, num período de quinze séculos, indo de Moisés a João, em três línguas: hebraico, aramaico e grego, estando os seus escritores em três continentes diferentes: África, Ásia (Oriente Médio) e Europa. Está ao alcance de muitos, pois está traduzida em línguas e dialetos. Pode ser encontrada em formados e estilos diferenciados. Você pode ter uma Bíblia de bolso, mini-Bíblia, Bíblia vida, Thompson, Shedd, do ministro, católica, pentecostal, anotada, dentre tantas outras. Você pode encontrá-la em cores diferentes, em encadernações diferentes, tipos gráficos diferentes. E ultimamente você pode lê-la em seu computador, em seu tablet ou aparelho telefônico nas mais diversas versões, desde que você baixe um aplicativo.

Pasmem, mesmo sendo um livro que costuma permanecer aberto em algumas mesas de cabeceiras de quartos de hotéis ou quartos familiares, ou sendo lembrada em monumentos em praças públicas, mencionada em abertura de reuniões, sendo acessível a pessoas de credos, fé, religiosidade diferentes, ainda assim é um livro desconhecido. 

Quero investir este tempo em desafiá-lo a ler não somente ocasionalmente a Bíblia, mas lê-la intencionalmente e com regularidade. Não há nada mais importante a fazer com a Bíblia, do que lê-la. Recomendo e incentivo que se empenhem nesta direção.

Como somos pessoas ocupadas, vem uma indagação: Por que eu deveria investir tempo nesta atividade? Vale a pena ler a Bíblia? Quero apontar alguas razões porque você deve fazê-lo:

- QUANDO VOCÊ LÊ A BÍBLIA VOCÊ AMPLIA O SEU CONHECIMENTO HISTÓRICO -
Como qualquer outro registro histórico, a Bíblia traz em suas páginas excelentes informações comprovadas pelas arqueologia. Fala da origem da humanidade, do desenvolvimento da raça humana, da origem das etnias, das diferentes línguas e idiomas. Interessa a quem estuda sociologia, medicina, direito, psicologia, dentre outras ciências.

- QUANDO VOCÊ LÊ A BÍBLIA VOCÊ DESENVOLVE O SEU CONHECIMENTO GERAL -
Certo professor de filosofia admitiu em classe que os provérbios de Salomão são um verdadeiro tratado de filosofia. Há um depoimento interessante do Dr. Smiley Blanton, que é psiquiatra. Conta ele que, um dia, um cliente novo viu uma Bíblia sobre sua mesa e perguntou: "O senhor, um psiquiatra, lê a Bíblia?" "- Não só leio a Bíblia, mas  a estudo" - respondeu ele. E continuou: "É o maior tratado sobre o comportamento humano que já se escreveu".

- QUANDO VOCÊ LÊ A BÍBLIA VOCÊ AGREGA CONHECIMENTO CIENTÍFICO -
Dentre várias confirmações científicas de verdades sobre as quais a Bíblia já falava temos uma delas que é um verdadeiro milagre. Pesquisas vieram a comprovar que os componentes químicos que há na terra são os mesmos que se encontram no ser humano, porém a Bíblia já afirmava: " E formou o Senhor Deus o homem do pó da terra, e soprou em suas narinas o fôlego da vida; e o homem foi feito alma vivente" (Gênesis 2,7). Houve muitas discussões a respeito da forma da terra ao longo da história, se era ou não redonda, e várias teorias foram desenvolvidas enquanto a Bíblia já afirmava: "Ele é o que está assentado sobre o círculo da terra, cujos moradores são para ele como gafanhotos; é ele o que estende os céus como cortina, e os desenrola com tenda, para neles habitar" (Isaías 40,22).

- QUANDO VOCÊ LÊ A BÍBLIA VOCÊ ADQUIRI CONHECIMENTO PARA O SEU DIA-A-DIA -
Na Bíblia encontramos o que devemos fazer e o que não fazer que nos será de bem ou mal, e ainda temos as orientações sobre como conseguir fazer o que devemos. Quem a lê e pratica é chamado por Tiago, de bem-aventurado. Com certeza será um bom pai, uma boa mãe, m bom filho, uma boa filha, uma boa patroa, um bom patrão, um empregado exemplar, um cidadão de bem. É impossível ler o sermão do monte e aplicá-lo à vida e não viver bem a vida, e não ser bem sucedido em família, nos relacionamentos e na vida profissional.

- QUANDO VOCÊ LÊ A BÍBLIA VOCÊ ADQUIRE UM CONHECIMENTO PRÓPRIO ADEQUADO -
Sem querer me envolver indevidamente com conceitos da filosofia, afirmo que a leitura e aplicação dos ensinos bíblicos conduzem-nos a respostas às perguntas mais profundas sobre a nossa existência, tais como: "De onde vim? Por que estou aqui? Para onde vou?" Perguntas estas que foram objeto de reflexão de filósofos e religiosos ao longo de toda a história da raça humana. A Bíblia nos ensina sobre a nossa origem e finalidade. Quem lê e aplica o primeiro e maior mandamento e o segundo semelhante a este à vida, tem autoestima no nível correto. Quanto mais descobrimos quem é Deus e temos um conhecimento correto dele, mas conhecemos a nós mesmos de forma adequada. Mesmo que a filosofia tenha avançado grandemente nos últimos anos e possa fazer afirmações verdadeiras sobre o homem. A Bíblia ainda continua sem igual no ato de nos informar quem somos, como somos e o que precisamos fazer. Além disso, ao ler as páginas da  Bíblia, ficamos impressionados como somos informados acerca de nós mesmos, e a única conclusão que podemos tirar, é que seu autor é verdadeiramente quem nos criou.

- QUANDO VOCÊ LÊ A BÍBLIA VOCÊ ENCONTRA A FONTE DA VIDA ETERNA -
A busca do eterno esta dentro de nós, e e revelada na arte, na música, na poesia, na arquitetura. Projetamos vida que continua. Desejamos que a vida não termine. Lutamos por ela, investimos para que seja duradoura, buscamos maneiras de assegurá-la. Lendo a Bíblia, chegaremos lá. Toda a Bíblia aponta para a vida que há em Jesus. Ele e o Cordeiro de Deus, Leão de Judá, o Rei dos Reis e Senhor dos Senhores e afirma: "Eu sou o caminho, a verdade e a vida" (João 14,6). Disse Jesus: "Examinai as Escrituras porque vós cuidais ter nelas a vida eterna, e são elas que de mim (Jesus) testificam" (João 5,39).

Ler a Bíblia é essencial e importante. Lendo três capítulos diários e cinco capítulos aos domingos, lê-se a Bíblia toda em um ano. Além do benefício da leitura em si, somos enriquecidos com disciplina adquirida que é sempre boa para pessoas que buscam o sucesso. Leia a Bíblia, pois é o livro de Deus para a humanidade. Ao lê-la somos recompensados no corpo, na alma e no espírito. Isto lhe trará benefícios materiais, físicos, emocionais e espirituais. Termino com a citação de Billy Graham: "A leitura da Bíblia será capaz de transformar sua vida como já transformou a de tantos outros".


Autor: José Maria de Souza

Obs: Artigo retirado da Palavra & Vida - Revista de Jovens e Adultos da Convenção Batista Fluminense, distribuidor: Departamento de Educação religiosa, edição referente aos meses de abril, maio, junho de 2013, páginas 05, 06,07 e 08.